quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Amor Assassino - Bruna Pereira Caetano, 15 anos e escritora

Só recomendo para pessoas
que tem tempo de ler,
para jovens, adolescentes.
Para quem quer se entreter
e para quem quer fazer uma
leitura despretensiosa.
Amor Assassino foi escrito por uma jovem de 15 anos chamada Bruna Pereira Caetano. O livro é bom, não é ótimo mas vale a pena. Você lê super rápido e é legal para jovens na idade de Bruna.
Amor Assassino conta a história de Mel, uma jovem que perde sua família (mãe, pai e irmão) em um brutal assassinato. Ele só se livrou porque estava numa festa. Sem pais, Mel vai morar com a sua tia numa cidade pequena chamada Luária, fica amiga de duas meninas no colégio - Ana e Pati, e termina se apaixonando por Caio.
Nada melhor que uma adolescente de 15 anos escrever sobre amizade, paqueras e enfim. Até que a personagem Mel é madura. Sim, para uma adolescente eu considero Mel madura. E Bruna soube escrever muito bem o universo jovem.
No começo eu desconfiei que a escritora era jovem, mas ao mesmo tempo eu achava que era uma autora mais velha que conhece muito bem o universo de adolescente.
Apesar de um erro aqui, acolá, coisas nada demais (só no final foi... é... muito esquisito), fiquei chocada quando soube quem era a autora.
Com certeza, se Bruninha Pereira continuar a escrever ela será uma puta escritora. Ela é boa, tem muito o que melhorar, mas não falta tanto.
Ela tem carisma e até consegue prender o leitor até o fim.
SPOILER - Quem leu ou quem não tem vontade de ler leia a seguir:

Como assim, o que foi aquilo no final do livro? Como pode uma garota narrar sua própria história até o momento que morre? Eu sempre achei que ela ia sobreviver porque era Mel que narrava a porra da história! E, de repente, no último capítulo o narrador passa a ser uma terceira pessoa porque Mel morreu e descreveu sua própria morte. Como pode ser porra?! Deixava ela viver, inventava outra coisa dramática, como por exemplo, deixar o Caio morrer ou em estado vegetativo, ou coma ou qualquer merda. Porque Não Faz Sentido!!!

domingo, 8 de setembro de 2013

Citação


"O Jodl", diz Müllner, "imagine, O Jodl acredita mesmo que Deus não existe. E eu, eu não acredito nem mesmo nisso!"
- That's exactly my point of view!

Retirado do livro Correspondência Entre Amigos, de Hermann Hesse e Thomas Man

quarta-feira, 4 de setembro de 2013

Flickr: Flor


Livros e flores

Teus olhos são meus livros.
Que livro há aí melhor,
Em que melhor se leia
A página do amor?

Flores me são teus lábios.
Onde há mais bela flor, 
Em que melhor se beba
O bálsamo do amor?

Machado de Assis
Foto / Galeria
 E hoje o tema da exposição são flores. A exposição completa está no link flowers, plants. Essa coleção de fotos foi selecionada por mim. O recurso "exposição" do Flickr é uma ferramenta muito interessante para quem admira fotos de outros usuários-flickr. Você pode organizar fotos que você gosta por temas e você que define este tema. Neste caso são flores e plantas. Coletei a partir de usuários que estão adicionados no meu perfil. Você não pode adicionar nenhuma foto de sua autoria.

Veja algumas fotos a seguir: