terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Mensagem do dia

A verdade que você fala não tem passado nem futuro.
É, e é tudo que precisa ser.


Richard Bach

sábado, 23 de fevereiro de 2013

O homem e as melancias

Lá em cima
Melancias não têm caroços
Suas vagas incontáveis
Serão caminhos entreabertos
A uma clemência encarnada

Uma última sobra rosada 
Delineia-se um ousado falo
Claro lúcido enroscado no âmago
Uma autenticidade roubada de outrem
Falo agora destes esverdeados
Clamando uma cor que outrora esvaziara
O teu sulco no meu íntimo se liquefaz
Brincando a qualquer custo
Tentando verás

Contudo rendido a única vaga
Sobra-me um universo avermelhado
Ímpar na sua essência
Conjunto em aparência
O homem com suas melancias
Devora seus próprios caroços

Aqui em baixo
Contorço apenas a sua doce voz

Ângelo Lima

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

3 Músicas

1. She and Him - Black Hole

Se não conhece é uma banda folk de indie pop americana formada em 2006 em Portland, Oregon pela Zooey Deschanel (atriz de 500 dias com ela e Sim, Senhor), vocal, piano e banjo e M. Ward que é guitarrista e produtor. O duo é aumentado pelos músicos Rachel Blumberg (bateria), Mike Mogis (pedal steel guitar e bandolim) e Mike Coykendall (baixo e guitarra).
Os dois se conheceram no set do filme The Go-Getter, em que a atriz teve um papel de protagonista. O diretor, Martin Hynes, apresentou-os uns aos outros e lhes pediu para cantar um dueto juntos para ser lançado nos créditos finais do filme. A música escolhida foi "When I Get to the Border" de Richard & Linda Thompson.
No canal do Youtube chamado HelloGiggles tem vídeos dela cantando com outras pessoas e no karaoke. Assista a esses três: cantando com o ator de 500 dias com ela, cantando Love Hurts, cantando Carpenters



2. Skid Row - I Remember You

Skid Row é uma banda de heavy metal formada em 1986 em Toms River, Nova Jérsei. Obteve grande popularidade no final dos anos 80 e início dos anos 1990. Lançou cinco álbuns, um EP, um álbum de compilação, além de um álbum ao vivo. Tornou-se popular com os seus dois primeiros álbuns, Skid Row e Slave to the Grind, onde a banda gravou em sua formação clássica, composta por: Sebastian Bach (vocais), Dave "The Snake" Sabo (guitarra), Scotti Hill (guitarra), Rachel Bolan (baixo) e Rob Affuso (bateria). Em 1995, após a saída de Sebastian Bach dos vocais, a banda ainda lança Subhuman Race. Mesmo com a formação mudada, o Skid Row fez posteriormente Thickskin e Revolutions per Minute. A formação atual, atuando junta desde 2010, compõe-se de: Sabo, Hill, Bolan, Johnny Solinger (vocal) e Rob Hammersmith (bateria).


3. Mazzy Star - Be My Angel

Mazzy Star é uma banda estado-unidense de rock formada em 1989. Foi uma colaboração do guitarrista David Roback e da baixista Kendra Smith (dos Dream Syndicate). Mas tarde, juntar-se-ia Hope Sandoval, amiga de Smith, como a vocalista. Kendra Smith cedo deixou a banda. A banda é provavelmente mais conhecida pela canção "Fade Into You," que lhe trouxe algum sucesso nos meados dos anos 1990 e que foi o maior êxito mainstream do dream pop. Roback e Sandoval foram o núcleo criativo da banda, com Sandoval escrevendo a maioria das letras e Roback compondo a maioria da música. Embora a banda nunca tenha se separado oficialmente (está adormecida), Sandoval viria a formar a banda Hope Sandoval & the Warm Inventions e participar em gravações de Bert Jansch,The Jesus and Mary Chain, The Chemical Brothers e Death in Vegas.


Fonte

domingo, 17 de fevereiro de 2013

3 livros com adaptações para o cinema

Eu li muitos livros que não estão na lista do skoob. Mas hoje eu vou listar 3 livros que estão na lista e que eu gostei muito. E todos têm adaptação para o cinema!

1. Quando Nietzsche Chorou - Irvin D. Yalom no começo estava um pouco chatinho e demorei um pouco pra ler. Mas do meio pro fim o livro dá uma reviravolta incrível e tira o leitor daquela zona de pensamento e vai pra uma totalmente oposta. Eu sei que faz tempo que eu li e tenho quase certeza que tem quotes (o negócio é achar). Mas não vamos nos preocupar com o texto e sim ler. Eu gostava muito de Nietzsche apesar de ser um autor difícil de se compreender e muitas vezes mal interpretado. Esse livro tem adaptação para o cinema mas eu não assisti, então não posso falar/comparar/avaliar. Vamos parar de blá blá blá!!!
Sinopse
Este livro tem como pano de fundo o fermento intelectual da Viena do século XIX às vésperas do nascimento da psicanálise. Friedrich Nietzsche, o maior filósofo da Europa... Josef Breuer, um dos pais da psicanálise... um pacto secreto... um jovem médico interno de hospital chamado Sigmund Freud - esses elementos se combinam para criar a saga de um relacionamento imaginário entre um extraordinário paciente e um terapeuta talentoso. Na abertura deste romance, a inatingível Lou Salomé roga a Breuer que ajude a tratar o desespero suicida de Nietzsche mediante sua experimental terapia através da conversa. Ao aceitar relutante a tarefa, o eminente médico realiza uma grande descoberta - somente encarando seus próprios demônios internos poderá começar a ajudar seu paciente. Assim, dois homens brilhantes e enigmáticos mergulham nas profundezas de suas próprias obsessões românticas e descobrem o poder redentor da amizade.


2. A História Sem Fim - Michael Ende: Esse livro é cheio de encanto, magia, filosofia e um tanto pedagógico (não sei se posso chamar assim). Sei que quando eu via o filme na Sessão da Tarde quando eu era bem mais nova, eu amava demais, era muita fantasia pra uma criança. Quando eu li o livro parece ser outra história (nem tanto assim). Mas foi um dos melhores livros com piores filmes. O próprio autor odiou o filme.  Eu acho que é mais porque o filme não passou a essência da obra e suas mensagens. Ficou um mero filme de criança. Vale a pena ler o livro, não é porque o filme é ruim que o livro é também. Eu gostei tanto do livro que também -ganhei- os filmes. Mas tudo bem, vale a pena crianças assistirem. E o livro é pra todas as idades!
Sinopse
"A História sem Fim" é a mágica aventura de um garoto solitário que passa através das páginas de um livro para um reino muito particular, o reino da fantasia. Nesta terra imaginária, numa busca original e cheia de perigos, Bastian descobre a verdadeira medida de sua própria coragem e aprende também que até ele tem capacidade para amar. O texto impresso em duas cores, verde e vinho, as belas ilustrações das aberturas dos capítulos completam o clima de encantamento que envolve o leitor.


3. Uma Garrafa no Mar de Gaza - Valérie Zenatti. Ótimo livro para entender uma relação de ódio e um conflito que ocorre diariamente. Os personagens são bons e a história tem um desfecho maravilhoso. Não quero entrar em detalhes. O livro é fino, num instante lê e não tem como falar muito dele. Nem quero jogar um spoiler sem querer. Sei que ele já tem adaptação para o cinema, não sei se já lançou em outro país e será lançado aqui depois. Só sei que a capa do livro é a do filme e pelo trailer algumas coisas foram modificadas. Não tenho certeza.
Sinopse
Um homem-bomba se explodiu dentro de um café em Jerusalém. Seis corpos foram encontrados. Uma garota, que se casaria naquele dia, morreu junto com o pai "algumas horas antes de vestir seu lindo vestido branco". E Tal não consegue parar de pensar em tudo isso. Tal é uma israelense que, como toda garota de dezessete anos, vive suas primeiras experiências - o primeiro grande amor, as primeiras escolhas profissionais e também o primeiro atentado. Depois de vivenciar esse momento trágico, ela escreve uma carta a um palestino imaginário, coloca em uma garrafa e pede ao irmão, que presta o serviço militar perto de Gaza, para lançá-la ao mar. Algumas semanas depois, recebe a resposta de um certo "Gazaman"...

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

3 Filmes

Eu gosto de listas e etc e de vem em quando (isso já acontece), irei postar lista de filmes, livros e músicas que eu gosto e recomendo.
Aqui vai a lista de 3 filmes com uma temática mais ou menos parecidos: futuro, ficção científica e vida fora da Terra. Eu presumo que quem gosta de um tema goste de outro.

1. A Chave do Universo é um filme que se enquadra em Fantasia/Família mas eu diria Ficção Científica (talvez eu esteja errada). Fala de alguns brinquedos do futuro que volta ao passado. E o coelho Mimzy é um brinquedo que fala com a personagem (só ela escuta e estende Mimzy) e Mimzy fala de coisas que acontecerão no futuro (ou que aconteceram). E Mimzy já apareceu em outras fotografias como uma fotografia de Alice (de Lewis Carroll) e reza a lenda (que pouquíssimas pessoas conhecem) que a garota que inspirou a personagem Alice tinha realmente um "brinquedo do futuro" e por isso toda aquela filosofia, fantasia que Lewis Carroll escreveu.

Sinopse
Noah (Chris O'Neil) e Emma (Rhiannon Leigh Wryn) são irmãos. Um dia eles encontram uma misteriosa caixa de brinquedos, que faz com que eles desenvolvam talentos especiais e uma inteligência fora do comum. Isto faz com que seus pais e professores fiquem, ao mesmo tempo, encantados e assustados. Logo eles passam a ter estranhos sonhos, que envolvem pontes para o outro lado do universo, e fazem desenhos descritos como "mapas do passado e do futuro". Até que uma queda de energia que atinge metade do estado chama a atenção do governo dos Estados Unidos, que quer descobrir o que está causando este efeito nos irmãos Wilder.

2. O Dia em que a Terra Parou é uma refilmagem do filme do ano 1951. É um filme que fala sobre uma invasão de "outro mundo" e que um deles toma forma humana e eles vieram para "destruir" a Terra, mas na verdade eles vieram salvar o planeta Terra das mãos dos humanos que são, ao ver deles, pessoas estranhas que se destroem uns aos outros e que não sabem preservar seu próprio planeta. A intensão é destruir tudo feito pelos humanos e os próprios humanos. A ideia do filme foi ótima, de passar uma mensagem que muitos ignoram. E tem uma parte interessante em que o personagem diz mais ou menos assim: "Se a Terra morrer, você morre. Se você morrer, a Terra sobrevive". Agora é só assistir ao filme para ver de conseguem convencê-lo de que vão tomar medidas para não mais destruírem a Terra e deixar todos vivos. - Isso me lembra muitas medidas que ainda não foram tomadas desde vinte anos atrás - 

Sinopse
Helen Benson (Jennifer Connelly) é uma cientista que mantém contato com Klaatu (Keanu Reeves), um alienígena que veio à Terra para alertar sobre uma crise global. Ele deseja conversar com os líderes globais mas, por ser considerado hostil, passa a ser ameaçado pela humanidade.

3. Cowboys e Aliens - Esse filme é muito bom. Uma mistura de ficção científica com faroeste com muita ação, aventura e uma pitada de humor. Foi baseado em uma história em quadrinhos de Scott Mitchell Rosenberg, lançado em 2006, embora a história tenha sido escrita cerca de 10 anos antes para virar um filme.
Sinopse
Em 1873, um estranho (Daniel Craig) sem memória vai parar em Absolution, cidade inóspita para visitantes e dominada pelo medo imposto pelo pulso forte do "Coronel" Woodrow Dollarhyde (Harrison Ford). Mas o inesperado acontece quando máquinas voadoras atacam a cidade e sequestram seus habitantes. É quando os humanos descobrem que precisam combater a invasão alienígena, forçando os homens brancos, bons e maus, e ainda os peles vermelhas a unir forças contra a ameaça extraterrestre.

Fonte: AdoroCinema

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Um bom papo


por Patrícia Valéria

Alector de Andrade é formado em Filosofia e abandonou o curso de Direito. Sonhava em ser piloto de avião ou de carros de corrida e se tornou um burocrata, funcionário público frustrado por não realizar seus sonhos artísticos.



Você tem uma grande formação intelectual sobre diversos assuntos. O que você acha sobre a situação hoje da cultura brasileira? 
Simplesmente lamentável! Por exemplo, veja a situação das músicas que estão nos meios de comunicação, na mídia e que são até promovidas por essa mídia. Veja que queda de valor. Escute a música, a melodia, a letra e depois compare com músicas das décadas de 60, 70, 80. Você vai perceber que existe uma grande diferença de qualidade, uma grande depreciação da música brasileira. Hoje se enaltece pessoas que nem sabem falar direito! Músicas chulas, letras chulas, melodias repetitivas, enfadonhas e por aí vai. Na literatura, quem são os grandes escritores hoje em dia? Os que existem são de tempos atrás, hoje você não tem grandes escritores. O cinema brasileiro não ta lá essas coisas como poderia estar. O teatro deixa muito a desejar. Um teatro totalmente alienado, que não reflete nossa realidade, nossa cultura prática do dia a dia.


O que é a reforma agrária e o que mudaria se isso acontecesse no Brasil? 
O que eu entendo por reforma agrária seria a divisão na proporção ideal das terras para melhor produção e barateamento dos produtos alimentícios para a população brasileira em geral. Existem muitas terras que não são aproveitadas. No Nordeste, por exemplo, se poderia aproveitar melhor a água para a produção de produtos alimentícios em terras que hoje se encontram secas causando muito sofrimento nas pessoas que tentam sobreviver na região árida e semi-árida. E só atualmente está a terminar a obra de desvio do rio para melhor aproveitamento da água.


A filosofia foi o berço das várias ciências que conhecemos. Como é que se encontra a filosofia da tecnologia? Um tema muito recente da filosofia. 
Existe uma discussão, há algum tempo, se a tecnologia e a ciência é boa ou má à humanidade. É uma discussão da escola de Frankfurt, Horkheimer, Adorno, Marcuse e outros, com relação à ideologia também. Mas a questão é o uso que se faz da tecnologia e da ciência, e por quem faz esse uso. Ou seja, o poder e o poder econômico e em que mãos está esse poder econômico. Então, essa tecnologia é usada para aumentar os lucros de uma classe em detrimento de todo o planeta, eu diria. Dizem que o aquecimento global é uma coisa natural, mas há muito tempo os cientistas vinham denunciando as conseqüências da poluição das grandes fábricas, poluição dos rios, dos solos, o uso de pesticidas... E hoje, mais atualmente, o uso dos alimentos transgênicos que muitos cientistas denunciam que não existe segurança total. A população permanece ignorante quanto a isso, com relação a essa informação.



Qual a importância da leitura? 

A leitura é importante para que a pessoa possa interpretar sua própria realidade. Se você não tem essa leitura, você não desenvolve o raciocínio lógico. E de certa maneira você fica mais incentivado a debates. Debater suas idéias com outras pessoas e a ter ciência das opiniões dos outros. É que se forma a própria opinião. 
Mas não parece que os políticos de uma maneira geral tenham qualquer interesse em melhorar a educação brasileira. Agora eles estão se voltando mais para a questão de conhecimento técnico, um saber voltado para a produção de riqueza. E quem se apropria dessa riqueza não é o trabalhador, ele é apenas um assalariado. É preciso que o cidadão desenvolva a leitura para poder ter ciência de sua situação social e de pôr em prática uma verdadeira democracia. A leitura tem tudo a ver com isso!

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2013

Música: Pato Fu - Sorria, você está sendo filmado

(John)

Acordo em meu sono bom
Preparo meu café
Passo vida em meu pão
Saúde ferve no fogão
Dou partida em meu sonho
Cheiro a pura emoção
E a fumaça do sucesso
Já está em cada pulmão

Ligo a tv
Boto o rádio pra tocar
Fecho os olhos
E uso o assento da poltrona
Pra flutuar
Fecho os olhos
E uso o assento da poltrona

E mais tarde com os amigos
Bebo sempre alegria
Asas pra ir embora
Sorriso no fim do dia

Essa música é do álbum Ruído Rosa do grupo Pato Fu.
O disco é muito bom, um dos melhores do grupo e contém encarte com todas as letras e informações adicionais.
Recomendo bastante pra quem conhece e gosta de Pato Fu e ainda não adquiriu esse álbum!

terça-feira, 5 de fevereiro de 2013

A voz da Tília - Florbela Espanca


Diz-me a tília a cantar: “Eu sou sincera,
Eu sou isto que vês: o sonho, a graça;
Deu ao meu corpo, o vento, quando passa,
Este ar escutultural de bayadera…

E de manhã o sol é uma cratera,
Uma serpente de oiro que me enlaça…
Trago nas mãos as mãos da Primavera…
E é para mim que em noites de desgraça

Toca o vento Mozart, triste e solene,
E à minha alma vibrante, posta a nu,
Diz a chuva sonetos de Verlaine…”

E, ao ver-me triste, a tília murmurou;
“Já fui um dia poeta como tu…
Ainda hás-de ser tília como eu sou…”
Leia mais em...

sábado, 2 de fevereiro de 2013

O Manuscrito de Saragoça - Jan Potocki e Wojciech Has



 Manuscrito encontrado em Saragoça é considerada uma obra-prima da literatura europeia. A presente edição é a primeira versão integral em língua portuguesa deste clássico da literatura, que só há pouco tempo se descobriu na sua plenitude. Na tradição do Decameron este é, sem dúvida, o mais marcante e original romance de aventuras europeu. Nele cruzam-se a mais pura aventura, o fantástico, a espionagem, o terror, o humor, o erotismo, o policial, o capa-espada, a intriga amorosa, a viagem no tempo e aos mais exóticos espaços, da Espanha do século XVIII às arábias." (Roger Caillois)


O MANUSCRITO DE SARAGOÇA do autor Jan Potocki é uma das mais significativas obras da literatura gótica escrita por um autor polonês que originou um filme cult (pra não dizer desconhecido), em sua terra natal.

Jan Potocki nasceu em 1762 e pertenceu a uma das mais antigas  famílias polonesas que se instalaram no sul da Polônia por volta do século XIII. O autor, oriundo de uma família aristocrática, teve uma vida extremamente rica. Acumulando as ocupações de jornalista, explorador (África e Ásia), arqueólogo, político (foi deputado do parlamento polonês) e escritor, Potocki publicou em 1812 O Manuscrito de Saragoça misturando elementos instigantes a temperando com mistério o livro se tornou um dos grandes clássicos da literatura gótica.

Este volume extremamente significativo, que já foi editado com títulos diferentes e referenciado a vários  autores, dentre eles Washinton Irving (A Lenda do Cavaleiro sem Cabeça).

O filme é excelente pela estrutura narrativa. O livro é uma espécie de Mil e Uma Noites, com histórias entrelaçadas que adquirem certa autonomia. Esses contos que se inserem uns nos outros também funcionaram muito bem nas mãos do diretor Wojciech Has (1925-2000), outro polonês. O filme baseado no romance de Potocki foi lançado em 1965 e manteve o caráter épico e surreal do texto original. São histórias cujos temas variam do erotismo ao terror, do filosófico ao humor, sempre com situações inusitadas. O filme se inicia no meio de uma guerra. Um jovem soldado descobre no meio de um duelo um antigo livro que conta a história de seu avô, Alphonse van Worden (personagem principal). Os inimigos param de duelar e começam a ler o livro. São as aventuras de seu ancestral, o que ele encontra, imagina, sonha ou lê em Sierra Morena, Espanha, em seu caminho até Madrid. A partir daí é um desfile de personagens exóticos: ciganos, ladrões, cabalistas, as gêmeas mouras (que são descritas com uma extrema sensualidade), que o personagem passa a noite na assombrada estalagem Venta Quemada, os enforcados irmãos De Zoto (conhecidos como Los Hermanos), o demoníaco Pacheco... O filme explora bastante o mistério e o caráter onírico da narrativa. Também é bastante bem humorado. Não sabemos até que ponto Alphonse está delirando, o que realmente aconteceu. E o que esperar? Afinal, é a história da história sobre a história que alguém sonhou que estava contando.

Título Original: Rekopis znaleziony w Saragossie
País: Polônia
Ano: 1965
Direção: HAS, Wojciech
Elenco: Zbigniew Cybulski - Iga Cembrzynska - Elzbieta Czyzewska - Gustaw Holoubek - Stanislaw Igar - Joanna Jedryka - Janusz Klosinski - Bogumil Kobiela - Barbara Krafftówna - Jadwiga Krawczyk - Slawomir Lindner - Krzysztof Litwin - Miroslawa Lombardo - Jan Machulski - Zdzislaw Maklakiewicz
Sinopse: Dois oficiais inimigos encontram-se num casebre espanhol e se deparam com um velho manuscrito que relata as histórias de um militar belga que viaja pela Espanha durante a Guerra da Península e se mete em inúmeras narrativas, encontrando outros personagens como dois enforcados que costumam morrer e reaparecer, duas irmãs que se amam e seduzem os homens enfeitiçando-os, e outras tantas figuras, que cada vez que surgem em cena dão origem a novas histórias que se multiplicam e se entrelaçam.
Onde Comprar: Amazon, Livraria Cultura, Livraria Saraiva, Lojas Americanas, Submarino

Imagens: Google